Dicas para corretores

Como utilizar imagens no site da sua imobiliária

Saiba quais são as melhores práticas para aproveitar as fotos em uma página da web
Como utilizar imagens no site da sua imobiliária

Apesar de a todo tempo ouvirmos histórias e conversarmos bastante via texto, a verdade é que nos lembramos melhor do que chega por meio de imagens. Aliás, de acordo com um relatório produzido pelo pessoal do Trend Reports, entre 65 e 85 por cento das pessoas se consideram aprendizes visuais, pois decoram mais informações obtidas por meio de fotos do que de qualquer outra maneira.

Acha que sua imobiliária não tem nada a ver com isso? Aí é que se engana! É simplesmente essencial saber como usar as imagens no site da sua imobiliária. Mas quais são as melhores práticas para aproveitar as fotos em uma página da web? Será que na hora de vender um imóvel vale usar qualquer imagem?

- Evite ao máximo os tremidos

De nada adianta ter a melhor câmera ou o melhor celular se você sempre treme na hora do clique. Além de passarem uma ideia de amadorismo, fotos tremidas atrapalham o visitante interessado em conferir algum detalhe do imóvel por meio do site. O ideal é apoiar as mãos ou os braços em algum lugar para ter estabilidade ou até mesmo usar um tripé na hora de capturar as imagens.

- Definição

Na hora de subir a foto para o site, verifique se o sistema da página não está reduzindo a qualidade. Repare se a imagem não está tremida ou até mesmo se o cenário não está sujo ou escuro demais. Não suba para o site uma imagem pesada demais para se carregada, procurando encontrar um meio-termo entre alta qualidade e peso para o arquivo.

- Repense o uso do flash

Existem alguns motivos para isso. Além dele rebater a iluminação no ambiente inteiro e, com isso, tirar alguns detalhes da cena, o flash também costuma passar uma impressão de amadorismo para as fotos, o que nunca é bom.

- Escolha o melhor ângulo

Ao contrário do que muita gente pode pensar, uma foto tirada na altura dos olhos nem sempre está em seu melhor ângulo. Para ambientes estreitos, por exemplo, costuma ser interessante fotografar de cima, ângulo que permite mostrar mais detalhes do cômodo. Já os espaços mais amplos ou com detalhes no piso podem sair melhor na foto se capturados por baixo, a fim de mostrar todos os seus pontos fortes.

 

Gostou da matéria? Compartilhe com seus contatos

Leia mais