Dicas para corretores

Como me especializar na carreira da corretagem

Cursos básicos para tirar o CRECI já não são suficientes; graduação em Negócios Imobiliários tem sido um diferencial
Como me especializar na carreira da corretagem

Para atuar como corretor de imóveis, atualmente a pessoa precisa solicitar um registro junto a um dos Conselhos Regionais de Corretores de Imóveis (CRECI). E, para conseguir essa inscrição, existem dois pré-requisitos: que ela tenha completado o ensino médio e que tenha feito o curso de Técnico em Transações Imobiliárias (TTI).

Mas o ponto que queremos chegar nessa matéria é de que, toda essa formação tem se mostrado cada vez mais incompleta. Com o mercado imobiliário cada vez mais aquecido, a concorrência na profissão tem aumentado e os clientes têm se tornado mais exigentes, esperando um atendimento amplo e personalizado do seu corretor. Por isso, o profissional que quer se especializar na carreira não pode mais se contentar apenas em ter um número válido de CRECI.

É preciso buscar qualificações e outras formações, que englobem noções de gestão, informática e finanças, bem como a graduação em Negócios Imobiliários.

Esta é a formação mais popular hoje em dia para o corretor, sendo que a busca por tal graduação tem crescido progressivamente. Trata-se de um curso bastante amplo, que aborda em especial o direito imobiliário, informática, finanças, economia, engenharia e arquitetura, sendo que todas as disciplinas têm aplicação na prática do corretor de imóveis. Ao se formar, a pessoa pode ainda atuar em áreas relacionadas, como na administração de imóveis e em escritórios de corretagem e advocacia.

Confira algumas instituições de ensino que oferecem o curso.

Centro Educacional Anhanguera (Anhanguera) – Privada

Universidade Norte do Paraná (UNOPAR) – Privada

Universidade Estácio de Sá (UNESA) – Privada

Universidade Federal do Paraná (UFPR) – Pública

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba (IFPB) – Pública

Gostou das dicas? Continue sua leitura aqui no blog e saiba como abrir sua própria imobiliária.

Gostou da matéria? Compartilhe com seus contatos

Leia mais